Me apresentando…

Home Fórum Comunidade Brasil-Québec Apresente-se!!! Me apresentando…

  • Este tópico contém 18 respostas, 5 vozes e foi atualizado pela última vez 10 anos atrás por Cae.
Visualizando 18 respostas da discussão
  • Autor
    Posts
    • #8170
      Cae
      Participante

      Oi gente, sou Caê Almeida e tô escrevendo de Salvador.

      O fórum tá muito bacana mesmo, parabéns.

      Eu já vivi em Montréal quando era adolescente (há mais de dez anos atrás) e me apaixonei pela cidade (e pelo jeito das pessoas respeitarem os estilos e o jeito de ser umas das outras)

      Eu e minha esposa vacilamos e só conseguimos reunir os documentos necessários para dar entrada no CSQ depois que a senhora Ministra alterou a lei de imigração :bangwall:

      Penso na possibilidade de usar o dinheiro que juntamos para nos inscrever nos cégeps, e viver na província do Québec inicialmente como estudantes…

      Estamos realmente desesperados para deixar o Brasil, especialmente com a possibilidade de ter que esperar até março de 2013 pra COMEÇAR o processo do CSQ… :(

    • #54280
      Dugout
      Participante

      Opa Caê, bem vindo a essa saga :)

      Também to pensando em tentar estudar no quebec em algum cégep, vc ja deu alguma pesquisada nos custos? Pq é um pouco pesado, pagar os estudos e ainda se manter por la.
      Bom, to so esperando concluir minha faculdade, já estou nos finalmentes, para começar a embarcar nesse sonho.

      Abraço!

    • #54288
      Cae
      Participante

      Oi Dugout!

      Eu ainda preciso pesquisar mais a respeito, mas entrei em contato cm uma agência de intercâmbio, e calcularam, por baixo, que pra ficar lá com visto de um ano de estudos e um ano de trabalho, seria algo em torno de R$ 25.000,00/ano. Mas eles só haviam encontrado pra pós-graduação…. (incluindo visto, assurance maladie, passagens e os custos da agência)

      isso sem contar nos custos pra minha esposa.
      Juntamos algum dinheiro, mas não tanto assim.
      E como é só um “tiro” que temos, estamos cheios de dúvidas!

      Realmente preciso amadurecer melhor essa idéia e postar no fórum correto pra ver se o pessoal tem algumas dicas…

      Uma dica que me deram foi de fazer cursos profissionalizantes aqui no Brasil mesmo, que me enquadrem no perfil profissional do grupo I ou II, já que o III há sempre o risco da senhora ministra alterar novamente a lei antes de março/2013

      então… boa sorte pra gente!

      Me comprometo com o pessoal de ser proativo, e de postar informações que eu conseguir descolar!

    • #54289
      Dugout
      Participante

      Opa amigo, me tira uma dúvida, como esta seu nivel de francês? Já é formado em algo aqui no Brasil?

      Bom que esses atributos seriam bom para vc arranjar um emprego por lá e tentar trabalhar enquanto estuda.

      Bom, achei esse valor de R$25k muito baixo, deixe eu te ajudar, vamos fazer um calculo por alto.

      Fazer um curso tecnico no cégep ou um mestrado sai quase o mesmo preço, vamos colocar ai oscilando entre 8k~13k CAD por ano, vamos nos basear por 13k CAD. Um mestrado ou o curso tecnico são geralmente 2 anos. Daria R$52k só de estudo.

      Bom, vc vai precisar morar em algum canto certo? Alugar apartamento ou morar na faculdade gira em torno dos 400~800 CAD, novamente pegando o maior valor, daria por volta dos R$39k por esses dois anos.

      Vai precisar comer e se vestir certo? Nada de exageiros, os companheiros do forum podem nos ajudar com essa informação, mas vamos pegar por base o valor que vc conseguiria trabalhando na faculdade, 20hrs semanais, e digamos que vc receba 10 CAD/h, ou seja 200 CAD por semana, ou 800 CAD por mês. Daria por volta tb dos R$39K

      Vamos lá, R$52k de estudo + R$39k de moradia + R$39k para se manter = R$130k o Total desses 2 anos de estudo.

      Bom, essas informações que montei isso ai foi fazendo pesquisas na internet, foi mais ou menos a perspectiva de gastos que deu pra montar para se ter um idéia.

      Se algum amigo do fórum tiver mais conhecimento e poder dar uma ajuda, fique a vontate.

      Espero ter ajudado a dar uma clareada, não é facil não, é uma grana pesada a se investir, infelizmente.

    • #54293
      Carlos_Santos
      Participante

      Seja bem vindo ao nosso forum Caê!

      Espero que o proveite bem.

      Ja comecou bem se apresentando, espero que continue lendo-o ;-)

      Vir como estudante estrangeiro custa caro. Como residente permamente o custo é bem diferente e mesmo com direito ao sistema de emprestimo/bolsa (estas informacoes esta postadas no forum, basta ler um pouco).

      Nao acho que seja uma boa idéia a menos que venham com uma bolsa do governo do Canada para fazer uma pos aqui e durante os estudos fazer o processo por aqui. Existe uma postagem que fala do processo que o governo prioriza nestes casos.

      Ou ser de TI e poder passar numa entrevista de emprego e ter um CAQ (work permit) e chegar aqui e fazer o processo ja empregado!

      No mais é fazer o processo de RP com todos os tempos de processo.

      Boa leitura!

    • #54305
      Cae
      Participante

      Oi Doug,

      Eu falo francês direitinho (entre intermediário e avançado) e sou formado em Cinema e Vídeo. Não é exatamente a área que eles tem mais interesse né….

      Com relação a descolar um visto pra estudante, realmente qnto mais eu estudo mais me parece uma má idéia….

      Ontem vi no site da imigração os custos pelos “Droits de scolarité” e tomei um susto.

      Aqui o link:
      http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/fr/immigrer-installer/etudiants/informer/cout-etudes.html

      O valor que eu falei de R$ 25k foi por ano mesmo, e não inclui moradia e alimentação.
      imagino que seja possível trabalhar, ainda que informalmente, para se manter

      Carlos, obrigado pelas boas-vindas e pelo fórum!

      Realmente preciso amadurecer melhor a idéia e pensar em uma estratégia funcional pra ir o quanto antes.

      Até lá vou fuçando aqui o fórum e os sites de imigração.

      Obrigado pelos conselhos!

    • #54318
      gabi-infirmiere
      Participante

      se quiser realmente mudar para o Québec, faça-o pela porta da frente.

      os trabalhos *informais* sao péssimos para a economia, para o trabalhador (que nao possui direito algum!) e para os candidatos a imigrantes.
      O processo mudou mas o Qc continua com as portas abertas, para profissionais qualificados e que sejam de interesse do governo.

      O custo para estudantes estrangeiros é indecente ….
      verifique a possibilidade de estudar aqui pelos acordos bilaterais, como o do CREPUQ (valido para universidades) ou CAPES e outros orgaos de incentivo à pesquisa (nao sei quais sao os orgaos na area de cinema)

      bonne chance

    • #54324
      Cae
      Participante

      Gabi, você está coberta de razão.

      Parece que a melhor forma é realmente procurar me especializar em alguma coisa útil para o governo canadense, e assim melhorar minhas chances…

      A questão é que faço mais o perfil de trabalhar na área de arte, entretenimento (vídeo, animação, games), etc., do que saúde ou contabilidade, por exemplo.

      Enfim, ainda preciso de um plano…

      Bem bacana o altruismo do pessoal do fórum e a atenção.

      Abraços!

    • #54328
      Carlos_Santos
      Participante

      Ola Caê,

      como vc falou em animacao e videos, se for ligados à computadores, sugiro que explore as compagnias de jogos, pois pode ser que o seu perfil se encaixe nelas e ai quem sabe uma oportunidade de trabalho temporario (Work permit) nao é a sua porta para o Québec.

      Veja os sites da UBISOFT e FRIMA aqui no Québec!

      Boa pesquisa!

    • #54486
      Cae
      Participante

      Trabalhar na Ubisoft seria como um sonho, mas meu nível de animador ainda não é tão bom, a ponto que uma empresa estrangeira me contrate

      Acho que devo simplesmente aguardar até março e mandar os documentos como grupo III mesmo, e até lá me especializar mais na área de animador/ profissional do 3D

      Obrigado pela dica carlos, vou pesquisar o perfil profssional dessas empresas e procurar me adequar, pra daqui a 2/3 anos ser útil pra essa indústria

    • #54491
      RonaldoMaciel
      Participante

      Oi Caê, bem-vindo.

      Vc mencionou

      Acho que devo simplesmente aguardar até março e mandar os documentos como grupo III mesmo

      .

      Só para confirmar, na realidade, as pessoas do grupo 3 não podem mais se inscrever. Não há mais quotas para áreas que não estejam em demanda segundo o governo do Québec. :cry:

      Se vc tiver um diploma da área de Animação 3D, vc entraria no grupo 2. Veja a página 3 do link abaixo:

      http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/publications/fr/divers/domaines-6.pdf

      Sorte na caminhada,
      Ronaldo

      Residente Permanente desde Set/2009, cidadão desde Jul/2014 e mora na fascinante Montreal.

    • #54493
      Cae
      Participante

      RonaldoeSusana, mas segundo o site da imigração essa medida é só até março de 2013 não???

      Você está me dizendo que isso é definitivo e que o governo não vai mais aceitar candidatos que não pertençam nem ao grupo 1 nem o 2 ????

      vou dar uma pesquisada e posto aqui qqer coisa, mas esse site da imigração é muito ruim de atualizar!

    • #54494
      RonaldoMaciel
      Participante

      Acho que há um pouco de confusão. No site immigration-quebec, o que está indicado é o número máximo de aplicações a serem aceitas dentro do período de Março 2012 até Março 2013. Isso significa que os números (ou mesmo as profissões) podem mudar – mas nada é garantido.

      Entao pode ser que em Mar/2013 o governo volte a flexibilizar e aceitar profissões que não estejam em demanda (o que acho muito pouco provável). Mas como falei, nada é garantido…

      Residente Permanente desde Set/2009, cidadão desde Jul/2014 e mora na fascinante Montreal.

    • #54495
      Cae
      Participante

      Olha, de acordo com o site de imigração deles lá, essas quotas são válidas somente até março de 2013:


      ++++++++++++++++++++++++


      Réception des demandes

      Le 21 mars 2012, la ministre de l’Immigration et des Communautés culturelles a pris une décision concernant la réception de demandes de certificats de sélection (PDF, 167 Ko). Selon cette décision, la ministre détermine le nombre maximal de demandes pouvant être présentées par certains candidats à l’immigration économique.

      Cette décision est prise sous réserve que l’Assemblée nationale du Québec adopte un projet de loi, tel qu’annoncé par le ministre des Finances dans son discours sur le budget du 20 mars 2012, qui comporterait une disposition législative, rétroactive au 20 mars 2012, habilitant la ministre de l’Immigration et des Communautés culturelles à prendre cette décision.

      Nombre de demandes

      Sous-catégorie d’immigration
      Nombre de demandes maximal du 21 mars 2012,
      19 h, heure du Québec, au 31 mars 2013, 19 h,
      heure du Québec (pour connaître l’état actuel,
      consultez la page Demandes reçues)
      Gens d’affaires
      Investisseurs
      2 700
      Travailleurs autonomes et entrepreneurs
      215
      Travailleurs qualifiés (voir plus bas pour savoir à quel groupe de travailleurs qualifiés vous appartenez)
      Groupe 1


      Aucune limite
      Groupe 2


      14 300
      Groupe 3


      0


      +++++++++++++++++++++++



      Aqui o link:
      ">http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/fr/informations/reception-demandes.html

      Cara, bateu um desespero agora…!

    • #54496
      Cae
      Participante

      Mas, e com relação a equivalência?

      O cégep de Animation 3D/synthése d’images dura 3 anos, mas eu já analisei a grade. É bem louca, tem matérias de educação física, filosofia, é bem “lato-senso”, parece mais um curso pra tecnólogo que um curso técnico.

      Você saberia dizer se bastaria eu juntar um bocado de certificados de 3D, totalizando mais de 2400 horas pra ser equivalente?

      Não sei nem onde pesquisar isso…

    • #54498
      gabi-infirmiere
      Participante

      Caê, os CEGEPS nao fornecem cursos técnicos nos moldes brasileiros. Para o sistema educacional brasileiro, uma formaçao CEGEP é equivalente a um TECNOLOGO realmente.
      Creio que para o processo de imigraçao nao seja possivel obter a equivalência por acumulo de certificados; TALVEZ o mercado aceite, mas o primeiro passo é ser aprovado no processo de imigraçao, nao é? :alright:

      vendo as mudanças politicas e os objetivos do QC com a imigraçao, nao vejo a possibilidade das profissoes do grupo 3 voltarem para a lista de admissiveis. EVENTUALMENTE o governo podera *migrar* algumas profissoes para o grupo 2, mas o que vejo é o interesse em trazer profissionais cada vez mais qualificados, em profissoes com carência no QC

      veja com sua esposa se ela nao pode fazer um curso que se enquadre no grupo 1 ou 2, assim ela passara a ser a principal aplicante. :discuss:

    • #54503
      Cae
      Participante

      veja com sua esposa se ela nao pode fazer um curso que se enquadre no grupo 1 ou 2, assim ela passara a ser a principal aplicante

      Mas, no caso de um curso técnico (ao invés de graduação tecnológica) que eu ou ela fizermos, então basta haver uma equivalência na quantidade de horas de estudo, desde que seja em um unico curso? Como saber se o curso que optarmos será valido?

      Desculpa o abuso, mas essas mudanças são tão recentes, que ainda não há muita informação a respeito pela internet

      Mas, realmente parece ser a unica saída e estamos dispostos a isso, pois queremos migrar, não pra viver no bem-bom, mas pra suar a camisa e contribuir pra o país!

    • #54504
      gabi-infirmiere
      Participante

      Os cursos DEP em geral sao cursos de 1800h. Entao verifique os cursos DEP que estao no grupo 1 ou 2 (se for possivel, grupo 1 pois nao ha limite de aplicaçoes).
      E para saber as grades você pode consultar os sites das escolas e fazer a comparaçao entre as disciplinas quebecas e as brasileiras.
      É um trabalho de muito planejamento e dedicaçao, nao existem respostas prontas, infelizmente.

      Mas apenas para ilustraçao, o curso de técnico de enfermagem no BR (falo de enf pois é minha praia) recebera o equivalente a um curso de Infirmier Auxiliare aqui no QC sem a necessidade de nenhum curso suplementar :wink:

    • #54506
      Cae
      Participante

      Obrigado Gabi.

      Eu olhei as grades de alguns cégeps, por isso que achei tão estranho

      O que faremos então é procurarmos cursos técnicos tradicionais, cujas grades possuam a maioria das matérias equivalentes, e vou ignorar as matérias de “sentido mais expandido” (lato-senso)

      além disso, garantir o francês e cruzar os dedos. Seja o que deus quiser né

Visualizando 18 respostas da discussão
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.