Re: Re: Valida

#14552
Carlos_Santos
Participante

Pessoa,

ok ok ok….

@Pessoa”;p=”6726 wrote:

Como sempre venho te pedir: Teria como você postar aqui os textos que estão no Orkut sobre o tema?

acho mais fácil te mandar um convite para entrar no Orkut…. :lol:  :lol:  :lol:

tudo bem…. também não vou pagar pelos seus serviços de advogado no Québec quando vc estiver exercendo sua profissão lá, combinado???

segue alguns dos textos….

Advogados no Quebec
Eu andei um pouco atarefado e entrei pouco na internet, mas conversei com amigos daqui, que são advogado e eles me deram a seguinte visão:

Na verdade isto depende muito do que a pessoa planeja….

01) Para advogar aqui, a pessoa precisa entrar novamente na universidade (bacharelado), se matricular no maximo de cursos a cada novo trimestre e pedir as eliminações de cada materia, este processo pode demorar entre um ano e meio a dois anos.

02) A pessoa pode optar por fazer uma pós graduação ou mestrado e depois se ocupar com trabalhos correlatos, como acessoria empresarial, notariat, mas nunca podera advogar.

Na minha opinião o caminho para todo imigrante é sempre a universidade, sei, é logico que sempre terá um ou outro que se dará bem sem fazer outro curso por aqui, mas demorara mais tempo e sempre ficará limitado ao que realmente o Canadá pode ofertar a cada um em termos de qualidade de vida.

O começo é sempre difici para todo imigrante, e as pessoas que mormalmente desistem e voltam para o Brasil, voltam nos dois primeiros anos, depois todas as portas se abrem.

Lembre-se sempre de que com o CSQ em mãos você terá direito ao “Prêt et bourse” do governo, que cobrirá os gastos básicos de cada pessoa que varia entre 7.000,00 e 12.000,00 por ano, e depois de formado e com o diploma na mão você pagara entre 30% e 40% do mantante em prestações irrisórias ao governo.

Cara um grande abração, e eu vou por uma cópia deste e-mail na comunidade do orkut, deve interessar a mais pessoas

Dionì

04/07/05
Valeu mesmo
Dionì, valeu memo pelas informações. Particularmente, são de grande interesse para mim.

Assim que eu começar a adquirir mais informações a respeito do exercício da advocacia no Canadá estarei postando por aqui.

Inté.

19/03/06
Onde estão as informções???
Há algum tempo que não se tem informção aqui para profissionais da área do DIREITO.
Como se dá o processo para recém-formados??? São tantas coisas que leio que ainda não consegui organizar as idéias do passo-a-passo para essa área.
Existe perspecitiva para os profissionais dessa área? Quais??
Caso queira lecionar… É mais fácil?? Enfim, tenho milhões de dúvidas…
Jefferson, como vc é da área, teria a possibilidade de preparar algo como um dossiê mostrando os passos do processo de imigração nesta área, mostrando também perspectivas, possibilidades e os percalços???
Desde já sou grato pela atenção.

P.S.: Sou estudante do último ano de DIREITO, estou estudando francês e sou, também, professor de inglês na minha cidade.
excluir

Carlos_Luiz

Jefferson,

como não vi tal informação aqui neste tópico resolvi adicionar mais esta informação:

Para os Advogados interessados no Québec, achei este material oferecido pelo Governo do Québec

Exercer la profession – d’avocat
Profession d’exercice exclusif
19 415 membres

veja em:
http://www.immigration-quebec.gouv.qc.ca/publications/fr/professions-regies/Avocat.pdf

Boa Leitura!

Atenciosamente,

Carlos Luiz

25/08/06
Guia de Admissão de Jurista Estrangeiro ao Barreau
Ok, ok… Pra não dizerem por aí que retenho informações, diponibilizo, para quem ainda não conhece, um guia do Barreau du Québec , a Ordem dos Advogados de lá, que trata dos procedimentos neessários para a admissão de um jurista extrangeiro àquela ordem profissional.

O guia (em francês) está disponível no site Internet: http://www.barreau.qc.ca/fr/avocats/pdf/horsQuebec.pdf

Amusez-vous!!!

25/08/06
ula la la
ahahahaha

sonegando informação…. isso é crime aqui na comunidade….

ahahahaha

brincadeiras a parte…

Obrigado por mais estas informações…. vou aproveitá-las para uns “advogados perdidos” que me pediram informações, motivo pelo qual postei as informações anteriores aqui. Não as tinha até ontem a noite….

Abraços,

Carlos Luiz

fonte:  http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=834601&tid=15690296

Advogados Brasileiros no Canada
Gostaria de entrar em contato com os advogados brasileiros no sentido de trocar informações sobre o que eles estão fazendo ou vão fazer em Quebec já que não é possivel exercer a profissão de advogado com o diploma brasileiro. O que estão fazendo no sentido de abrir o leque de opções, aprimorar os conhecimentos, mercado de trabalho, dificuldades enfrentadas, etc. Caso queiram entrar em contato diretamente meu email é carlos_tamurejo@yahoo.com.br. O que pessoas como nós (sem poder exercer a profissão) estão fazendo ou vão fazer no Canada. É muito importante essa troca de ideias.

12/04/05
Opções para os advogados em Québec (parte I)
Fala Carlos. Fico satisfeito por você ter aceito o convite de vir participar aqui na comunidade.

Cara, como já falamos, nossa profissão é um tanto ingrata quando se trata de migrar para um outro país. Entretanto, nem tudo está perdido, pois, nestes últimos dois anos coletando informações, descobri que os ônus para se poder exercer nossa profissão lá, apesar de difícil, possui algumas peculiaridades com relação à província de Québec.

Como você já sabe, diferentemente do resto do país, o sistema jurídico utilizado em Québec é o romano-germânico (ou europeu continental), e não o common law. Isto, por si só, já é um grande adianto, pois, considerando que no Canadá o curso de direito (graduação) dura em torno de 03 anos na faculdade mais 01 ano na École du Barreau (seis meses de aulas complementares e 06 meses de estágio), teríamos, na pior das hipóteses, que freqüentar no máximo 03 anos (no total) para obtermos a equivalência e o certificado do Barreau du Québec (a Ordem dos Advogados de lá).

Entretanto, ainda não sei se um mestrado numa Universidade ‘quebecois’ nos qualificaria para a obtenção da Permissão para o exercício da profissão, sem precisar obter a equivalência da graduação. Ainda mandarei um e-mail para eles para poder esclarecer este tópico.

Quanto à atividade que poderemos exercer por lá, como primeira opção, penso que nós, operadores do direito, poderemos atuar na área de consultoria – onde não é necessário ter qualquer autorização. A questão crucial será descobrir onde estão as melhores oportunidades neste sentido.
excluir

12/04/05
Opções para os advogados em Québec (parte II)
Outra opção é o serviço público, principalmente na área dos ‘Parajuristes’ das procuradorias, que são uma espécie de secretários dos procuradores (ocorre que, geralmente, é um cargo onde é dada a preferência às mulheres).

Existem os Secretários Jurídicos de escritórios particulares também. Esta profissão exige que o profissional possua algum conhecimento na área jurídica para que possa auxiliar os advogados de forma plena, além de amplos conhecimentos de francês para auxiliar também na elaboração das petições. Existem cursos pós-secundários para capacitação dos profissionais desta área, mas penso que, por não ser uma profissão regulamentada, não teríamos problemas em atuar neste seguimento. Só vai depender do nosso francês (e da aceitação pelo nosso ego, claro. hehe)

Bem, pelo que me lembro, com relação à área jurídica, estas são as opções. Mas nada nos impede de exercermos outras, no começo. Podemos fazer uma pesquisa em conjunto para descobrirmos se existem outras oportunidades (inclusive na área de consultoria).

O tempo está curto, mas posso te passar depois, se desejar, algumas informações sobre os procedimentos de equivalência, no Barreau e na universidade, assim como os procedimentos para a obtenção de um financiamento dos estudos no futuro.

Grande abraço.
excluir

28/11/06
Alguém tem mais alguma novidade?
Tenho feito uma pesquisa profunda acerca do exercício de nossa profissão no Quebec e percebi que as últimas informações neste sentido foram postadas em meados de 2005. Isto posto, gostaria de saber se alguém tem mais alguma informação recente sobre o exercício da profissão, oportunidades de trabalho e faixas de remuneração das atividades correlatas.

Grato,

Drinho.

Drinho
Neste seu caso sugiro uma “extensão” de suas pesquisas nesta direção:

http://www.informationmarchetravail.ca/standard.asp?ppid=57&lcode=F&prov=24&gaid=236&occ=&search_key=1&search_type=1&employer_potential=&new_search=

digite a sua profissão e…. voilà!

respostas oficiais dadas pelos organismos do governo e sempre ATUAIS!

Atenciosamente,

Carlos Luiz

28/11/06
e complementando:

Code de la CNP :
4112
Profession :
Avocats / avocates (partout au Canada) et notaires (au Québec)

fonte: http://www.informationmarchetravail.ca/standard.asp?ppid=84&lcode=F&prov=24&gaid=236&occ=4112&job=&search_key=1&search_type=1&employer_potential=&new_search=1

é isso!

boa pesquisa!

atenciosamente
10 Jan
Esclarecedor.
Eu e meu marido ainda estamos no processo de amadurecimento da idéia de imigração. Ele é da área de informática e eu, advogada. As dicas que vcs deram agora já ajudaram a ver entender que “nem tudo está perdido” no que tange ao exercício da minha profissão (de forma direta ou indireta) em terras canadenses. Fico muito grata por terem iniciado esse esclarecimento. Até à próxima!:-)
excluir

11 Jan
Voltar à universidade
Oi! Eu também sou advogada, mas sempre trabalhei com direitos humanos. Tenho planos de retornar à universidade e de cursar um outro curso, na área de política ou relações internacionais. Penso que abrirá outras portas.

fonte:http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=834601&tid=10413119&start=1

Curso de Legal Assistant/Paralegal em Montreal
Essa é um pouco específica não sei se vcs poderão me ajudar. Como parece ser muito difícil conseguir a equivalência do curso de direito no Canadá pensei em fazer um curso de legal assistant ou paralegal. Encontrei o tal curso em outras províncias, mas não sei se os que encontrei em Montreal correspondem a estes (Na Macgill encontrei o Cégep and French Baccalaureate Applicants)
http://www.law.mcgill.ca/undergraduate/adm_dead_cat-en.htm#ca
(e na Université de Montréal o Microprogramme e o Certificat)
http://www.progcours.umontreal.ca/programme/index_fiche_prog/index_prog_cyc1.html/#00002
Será que alguém sabe essa? Sds., Ana

11/11/05
Parajuristes
Como já foi abordado anteriormente, existem várias oportunidades de trabalho na área jurídica. Somente na iniciativa privada pode-se atuar como advogado (óbvio), secretário jurídico ou parajuristas. Isto sem falar no setor público.

Somente a primeira profissão (advogado) é regulamentada, ou seja, deve-se fazer um curso de direito numa faculdade reconhecida pelo Barreau du Québec (geralmente 03 anos), depois frequentar o curso obrigatório do Barreau (06 meses) e, por fim, fazer o estágio profissional numa entidade pública ou privada (06 meses), para obter a licença para advogar no Québec.

Por outro lado, as profissões de secretário jurídico e de parajurista não são regulamentadas, apesar da existência de algumas associações profissionais, como, por exemplo, a Associação dos Parajuristas Canadenses
( http://www.caplegal.ca/index2.php?p=h&l=fr&m= ). Tal fato, em tese, facilitaria na tentativa de nós, advogados formados no exterior, tentarmos atuar numa profissão ligada ao direito já de cara, sem grandes transtornos. Infelizmente, sabemos que não é bem assim que as coisas funcionam.

Particularmente, entendo que, mesmo para quem já possui uma formação universitária jurídica, estes cursos de parajuristas ou de secretários especializados em direito podem ser uma forma rápida para se inserir neste mercado de trabalho. Ademais, ressalte-se que talvez não seja necessário fazer o curso integralmente (ou até mesmo nem cursá-lo), tendo em vista uma formação jurídica prévia.

11/11/05
Por isso, creio que seja importante fazer a Avaliação Comparativa de Estados que mencionei no tópico de mesmo nome ( http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=834601&tid=2427555669351650955&start=1 ), para que a direção dos colèges, ou o próprio mercado profissional, possam se situar melhor a respeito de nossa formação. Talvez, dependendo de nossas formação, dedicação e sorte, nem seja preciso fazer um curso deste tipo, visto que, como já disse, esta não é uma profissão regulamentada e, a princípio, qualquer pessoa pode exercê-la (embora não seja muito comum uma pessoa com conhecimento jurídico zero conseguir um trabalho deste tipo).

Existe um site razoavelmente bom voltado para a busca de vagas de parajuristas chamado paralegaljob.ca ( http://www.paralegaljob.ca/default.aspx?l=fr ). Vale a pena dar uma pesquisada.

Em adição, vale lembrar que já foi abordado em tópicos anteriores esta questão. Os tópicos são:

Advogados Brasileiros no Canadá
http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=834601&tid=10413119&start=1

Advogados no Quebec
http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=834601&tid=15690296&start=1

Fico por aqui.
Inté.

11/11/05
Caro Jefferson
Fico muito satisfeita em encontrar um colega que pretende imigrar e me parece, continuar na área jurídica!!!

Pensei em fazer um curso de paralegal para facilitar a inserção no mercado devido a famigerada “experiência canadense” exigida.

Na palestra que participei sobre imigração,Roque Pachette informou que um mestrado é valioso para novos contatos e para se familiarizar com o Barreau.

Mas sei que fazer um mestrado lá requer $$$ e tempo, coisa que imigrantes como nós não poderão se dar ao luxo de fazer (pelo menos não no começo).

Os cursos que encontrei de paralegal parecem ser período integral e para ajudar duram 2 ou 3 anos o que complicaria nossa vida, afinal ninguém vive de brisa…

Comecei a pesquisar sobre isso há pouco e ainda estou um pouco perdida em como me integrar ao mercado de trabalho (sei que no começo vou pegar o que pintar), mas gosto de direito e seria legal trabalhar com algo relacionado a isso em Quebec.

Vi no monster e achei o salário para esta função excelente:
http://salarywizard.monster.ca/csalarywizard/layoutscripts/cswzl_compresult.asp?zipcode=&metrocode=300&statecode=QC&geo=Quebec+Montreal&isedit=&jobcode=LE11000004&jobtitle=Paralegal&narrowdesc=Legal+Services&narrowcode=LE01&jobcodeed

Não sei, mas parece uma boa opção para nós sermos paralegais. Vc pretende fazer algo parecido quando estiver lá?

PS:Meu, vc me impressionou, sabe tudo de tudo : )

fonte: http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=834601&tid=2430098116048848584