Re: Re: Migrando com a familia Francisa

#27466
SANDROMS
Participante

Tenho amigos que passaram por isso.

1. A francisação em tempo integral paga uma bolsa, mas só quando tem aula, feriados e intervalos não são pagos. O valor não é muito alto (não sei muito ao certo pois não foi o meu caso) mas um casal vai pagar o aluguel e vai sobrar um troco.

2. Fazendo a francisação em tempo integral é muito difícil trabalhar, pois não dá tempo e é extremamente cansativo. Mas não é difícil conseguir um survival job (que não é sub-emprego!!!) principalmente no comércio, mas aí o francês tem que ser no mínimo intermediário. Vc vai recerber entre 10 e 12$ a hora.

3. Se a mãe da criança em idade pré-escolar faz a francisação em tempo integral, os custos da garderie são pagos pela francisação (não sei se é 100% mas é quase);

4. Independente do casal estudar ou não o governo te paga auxílios financeiros para as crianças, proporcionais a sua renda declarada nos anos anteriores (vc assinará um termo dizendo qdo ganhou no Brasil nos últimos 2 anos). Esse auxílios são:
a. retorno da TPS/TVH – auxílio federal que consiste em devolver parte do imposto que vc paga a cada compra; (uns 150$ por trimestre)
b. Auxílio guarda 100$ por criança em idade pré-escolar;
c. Prestation fiscale canadienne pour enfants – ajuda do governo federal para crianças, de 200 a 350$ por filho;
d. Prestation fiscale pour le revenu de travail – tipo um imposto de renda negativo
e. soutien aux enfants – auxilio do quebec às crianças – veria de 200 a 400 por filho por trimestre;
f. tem outros que não conheço bem: como prime au travail… poupança para estudo das crianças com participação do governo (tipo vc poupa 1000 o governo te dá mais 500). etc…

Benefícios federais:
http://www.cra-arc.gc.ca/bnfts/menu-fra.html
Benefícios quebec:
http://www.revenu.gouv.qc.ca/fr/citoyen/clientele/parent/naissance_adoption/soutien_enfants.aspx